Inovação: Por que não?

Como parte do meu trabalho, vivo inserido no meio do que há de mais moderno em termos de tecnologia. Constantemente entramos em conversas no em torno do tema da inovação. Algumas pessoas que me perguntam sobre este tema, tem plena convicção e conhecimento do que estão falando, porém, algumas outras pessoas estão preocupadas com negócios, comércio, indústria e uma variedade de outros setores. Fico impressionado com a forma como o tema da inovação parece ressoar para todos os lados, grupos e comunidades. A inovação de repente se tornou um tema tão frequente em tantos setores que é impossível acompanhar tudo sobre todos os temas e iniciativas de inovação em vários países, como a IBM nos EUA.

Minha modesta opinião, em torno da razão pela qual há tanta atividade em torno da inovação, é por causa das grandes mudanças que estão ocorrendo na tecnologia, nos negócios e na sociedade. Na verdade, quando penso em inovação, tento organizar meu raciocínio em torno das áreas principais de abrangência, tentando articular quais são algumas das principais mudanças em cada área que considero particularmente convincente.

As inovações tecnológicas são as mais fáceis de apreciar. A computação está incorporada ao mundo físico ao nosso redor, desde dispositivos de entretenimento até etiquetas RFID e carros autônomos, tudo isso possível graças ao aumento constante de recursos e acessibilidade da TI. Avanços na supercomputação estão trazendo uma tremenda promessa para os serviços de saúde e ciências médicas.

Esses avanços em tecnologia estão possibilitando integrar a TI muito mais profundamente em processos de negócios individuais, bem como possibilitar a integração desses processos em soluções de negócios sofisticadas. Embora ainda estejamos nos estágios iniciais, estou convencido de que estamos no limiar de uma revolução nos processos de negócios que prometem reestruturar negócios, indústrias e até economias, ao longo do tempo. Quando falo “ao longo do tempo”, levo em consideração que as tecnologias estão muito à frente de nossa capacidade de aplicá-las. Para que essa revolução nos processos de negócios se torne uma realidade, precisamos continuar com grandes avanços e em como esses processos de avanços tecnológicos são projetados, construídos, implantados e suportados. Em particular, precisamos evoluir das abordagens atuais do trabalho intensivo para o uso de ferramentas sofisticadas, metodologias disciplinadas e componentes de negócios, que nos permitirão melhor uso da razão do que da operação padrão em si. Isso exigirá mais e mais inovação tecnológica e nos negócios.

Esses avanços em tecnologia estão possibilitando integrar a TI muito mais profundamente em processos de negócios individuais, bem como possibilitar a integração desses processos em soluções de negócios sofisticadas. Embora ainda estejamos nos estágios iniciais, estou convencido de que estamos no limiar de uma revolução nos processos de negócios que prometem reestruturar negócios, indústrias e até economias, ao longo do tempo. Quando falo “ao longo do tempo”, levo em consideração que as tecnologias estão muito à frente de nossa capacidade de aplicá-las. Para que essa revolução nos processos de negócios se torne uma realidade, precisamos continuar com grandes avanços e em como esses processos de avanços tecnológicos são projetados, construídos, implantados e suportados. Em particular, precisamos evoluir das abordagens atuais do trabalho intensivo para o uso de ferramentas sofisticadas, metodologias disciplinadas e componentes de negócios, que nos permitirão melhor uso da razão do que da operação padrão em si. Isso exigirá mais e mais inovação tecnológica e nos negócios.

Como tem sido verdade ao longo da história, grandes mudanças na tecnologia e nos negócios levarão a grandes mudanças na sociedade. Por exemplo, os tipos de problemas que estamos abordando e, esperamos, resolvendo, são de tal complexidade que não podem ser resolvidos em uma empresa de cada vez, em uma universidade de cada vez e até um país de cada vez. A inovação colaborativa é extremamente necessária para nos ajudar a lidar com esses problemas de tecnologia, negócios e sociedade. A própria Internet surgiu como uma plataforma importante para facilitar essa inovação colaborativa mundial.

Mas todos nós sabemos que essas mudanças, por mais maravilhosas que sejam, também são disruptivas e por vezes, impactam radicalmente em algum setores e na sociedade como um todo.